quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Solidariedade


Dezembro. Nascimento de Cristo. Natal.
Ora, a época natalícia é muito dada à paz e harmonia. Parece que toda a gente se esquece do mal que há no mundo. Por momentos é como se não houvessem guerras, eixos do mal, fraudes na banca ou avaliação dos professores. Por momentos, o mal, o ódio e a raiva dão lugar, para além das compras de Natal, à solidariedade entre as pessoas, entre os povos (menos na Faixa de Gaza). É impressionante a quantidade de solidarizações que ocorrem nesta época especial.

A Manuela Ferreira Leite solidarizou-se com o Santana. O circo Cardinalli este ano solidarizou-se com a TVI. O Manuel Alegre solidarizou-se com o Louçã, depois do Zé Sá Fernandes se ter solidarizado com o António Costa. O Quique Flores solidarizou-se com o Paulo Bento e o Jesualdo e empatou também o último jogo do campeonato. Há países a solidarizarem-se com a Palestina, e há manifestantes internacionais a solidarizarem-se com os Gregos. Pelos vistos, o banco de Portugal já andava solidário há algum tempo com a banca portuguesa. O João Cléber solidarizou-se também com a Elsa Raposo, que tem o hábito de se solidarizar muitas vezes com diversas pessoas.

Por todas estas solidarizações, e como pode ser constatado, este blog solidarizou-se com a Assembleia da Republica. É isso mesmo. Meteram-se 3 feriados ao longo deste mês, e o número de posts baixou à volta de 30% em relação ao mês anterior. Isto sim é solidarização. Porque não é só dizer que se está solidário. É preciso demonstrar a solidariedade com pequenos gestos. Foi o que fizeram os bloggers do aquifalasedetudo, que entre pontos e prolongamento de fins-de-semana deixaram de escrever para cá.

Exmos. senhores Deputados da Nação, um forte abraço solidário deste humilde blog que tem uma certa parte de aversão ao trabalho. A vossa luta é a nossa luta. Pela tolerância de ponto e fins-de-semana prolongados. Podem contar connosco.

2008 - Revisão

É normal que se façam estas revisões quando acaba um ano. Todos os grandes do mundo da informação o fazem e como tal o aquifalasedetudo também tinha de o fazer.
O ano de 2008 ficou, como todos os outros, marcado por um acontecimento muito especial que foi o facto de começar ás 0:00h do dia 1 de Janeiro com uma grande festa. É já um hábito festejar a passagem do dia 31 de Dezembro de um ano para o 1 de Janeiro do outro e assim todos os anos começam mais ou menos da mesma maneira. Em festa.
Mas 2008 tem muitos factos que o tornam diferente de outras edições anteriores do calendário, vejamos:
Politicamente tivemos as eleições nos EUA e pela primeira vez um negro é eleito presidente, um claro sinal de mudança da mentalidade do povo americano. Ainda no estrangeiro Cuba anda em mudanças e Fidel entrega ao irmão Raul a presidência e lá perto, na Colômbia, Ingrid Betancourt é resgatada. Cá por Portugal Manuela Ferreira Leite é eleita líder do PSD e nunca mais houve sossego neste partido.
2008 começou logo com uma nova lei a ser aplicada, a do tabaco. O chefe da ASAE é visto a fumar num casino e José Sócrates fuma num avião.
No mundo económico uma grave crise financeira instala-se no levando á nacionalização de algumas instituições bancárias, o preço do barril de petróleo desce abruptamente bem como as taxas de juro do banco central europeu. José Sócrates vende o magnífico computador Magalhães ao mundo.
No desporto foi ano de Euro e de Jogos Olímpicos. Portugal, depois de o Chelsea ter anunciado Scolari como treinador principal, perde nos quartos de final com a Alemanha. A China, que se tem vindo a abrir ao mundo, organizou os Olímpicos e Nelson Évora arrecada a medalha de Ouro no Triplo Salto e Vanessa Fernandes traz a de Prata do Triatlo. O Benfica fica com três medalhas e Portugal apenas com duas. O Dakar é cancelado por razões de segurança, dizem eles, e muda agora de continente, no entanto o Senegal continua na costa Atlântica africana.
Manoel de Oliveira completou 100 anos e é o cineasta mais velho do mundo.


E amanhã estamos em 2009...




P.S.: Tá um lindo dia...

domingo, 28 de dezembro de 2008

Como rezar (pedir coisas ao Senhor)

Dear lord, I’ve never asked for anything, but, if you some how just let me win this TV...



….well, then I will ask for a lot more stuff because I know it works…Amen

sábado, 27 de dezembro de 2008

Sobre os conflitos na Grécia

O anarquismo é uma filosofia política que engloba teorias e ações que visem a eliminação de todas as formas de governo compulsório, de um modo geral, anarquistas são contra qualquer tipo de ordem hierárquica que não seja livremente aceite (extrema esquerda).

Os conflitos na Grécia já se estendem, a meu ver, à tempo a mais. Eu não queria chamar nomes feios ás autoridades gregas mas devem ser mesmo fraquinhos. Se bem se lembram também tivemos, em Portugal, algumas manifestações anarquistas, foi no dia 25 de Abril de 2007.
"Os incidentes começaram na tarde de quarta-feira, cerca das 18h na Praça da Figueira. Segundo a polícia, concentraram-se naquele local 150 pessoas, «extremistas com simbologia anarco-libertária» (pertencentes a movimentos anti-globalização) que iniciaram uma marcha rumo à Praça Luís de Camões, no Chiado. Ao longo do percurso desta marcha «não autorizada» os manifestantes «partiram montras», «roubaram mercadorias de lojas» e «pintaram graffitis nas paredes». (LUSA/SOL)"
Atacaram depois os polícias que lhes apareceram pela frente (tal como fazem na Grécia) e quando se dirigiam para a frente da sede do Partido Nacionalista Renovador (extrema-direita) chegou o corpo de intrevenção da PSP que lhes deu porrada a sério. No dia seguinte os manifestantes queixavam-se que a polícia tinha abusado da força. Nunca mais se ouviu falar de manifestações anarquistas em Portugal...

Lembram-se também durante o Euro2004 quando no Algarve os Ingleses começavam a fazer barulho? Vinham os polícias e carregavam sobre eles à bruta. Resultado: sempre que há eventos deste género no mundo a PSP é convidada a ajudar a polícia local (foram ao Mundial2006, ao Euro2008 e ainda aos Olímpicos2008).

Já todos viram, concerteza, o filme "Tropa de Elite" em que o BOPE entra por aquelas favelas dentro "a matar". Sabiam que o GOE da PSP teve treinos com o BOPE?


Senhores da Grécia querem ajuda?




P.S.: e esse Natal? Muitas prendinhas?

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Conversas de café ao lado #0

Este é um post que resulta da muita interacção entre os bloggers leitores e demais visitantes deste espaço. São as conversas dos nossos ilustres visitantes casos de José motas , mourinhos Scolaris e tantos famosos que não passam sem vir aqui mandar o seu bitaite. Assim sempre que fizerem algumas linhas de conversação eu pego na caixa e venho cá pôr mas só quando me apetecer. Umas grande informação é a seguinte
isto lê-se de baixo para cima

boa a sorte a tentarem discriminar as conversas



Quim
eu nem as bolas a 10km/h defendo quanto mais as q vao a 200
maria sharapova
suzete não eu sou a maria e bato te nas bola s a 200 km/h. Muito mais
depressa que a bota do deco
do best
o ricardo respeitinho pelo bigode da suzete...nunca apnhas-te na boca?
ta-s mm a ver... vai la vai
do best
todo o dia a trabalhar e a aparecer para nada!! f*d*-s* ! ja parece a
confusão da assembleia da republica. eu nao te entendo Suzete! queres
é aparecer!???
do best
ó suzete vai mas é acabar o jantar ... f*d*-s*...acaba lá o franco com
cerveja
ricardo rocha
a pois é!!!
ricardo rocha
ganho e nem sequer apareço
ricardo rocha
voces queriam um tacho igual ao meu
suzete do best
vai mas é trabalhar...
suzete do best
keres é aparecer óoo pahhh
editor
realmente as chuteiras do ricardo rocha so servem para
arremesso...pq para jogar a bola ta quieto
ricardo rocha
atilhava lhes com a chuteira
ravanelli
se eu jogasse no benfica é q os ucranianos iam ver
taíssa
dejerote a toda la hoja
taíssa
camisinha deco? você nao usou, nao! e eu. engravidei de tu...mais um
decozinho neste mundo...e o messi é tao bom...ui melhor ki o ronaldo
cristiano...muito melhor na cama...
ravanelli
mas eu atiro a chuteira com a camisola a tapar me os olhos
deco
põ pá atirar a bota do futebol atiro eu e tenho mais apontaria qui o
ricardo rrocha com a camiseta do benfica
ravanelli
atiro lhe ja as minhas chuteiras
Chefe da Timberland
Vamos já tratar de enviar para lá uma remessa de qualidade de timberland waterproof boots. Se é para atirarem sapatos ao bush ao menos que sejam de qualidade. Logo Timberland
carlos fino
eram umas sapatilhas RITEX
Chefe da Timberland
Alguém sabe qual era a marca dossapatos que foram atirados ao
novo guarda redes do benfica George w Bush?
rita andrade
pois é
rita salema
este sim, é um blog decente
chefe dos chefes
tal miseria
Pai Natal
desta x o texto saiu mt cedo!! lol consegui ler 1º aki k no pilar.. amanha
vamo-nos sentar no bar a ver as reações do ppl!! lol
michael knight
michael knight
cara
michael knight
tou mentchindo?eu falo mêmo
michael knight
michael knight
kitchi, vem mi buscá
chefe dos chefes
gayzão de sever
chefe dos chefes
é um gaysão!!!!
chefe dos chefes
pois é
soraia chaves
o cristo é gay
chefe dos chefes
queres é aparecer!!! .....
chefe dos chefes
escrevam aqui de lado fragunhas... ponham isto a mecher...
Chefe Mitchell
Frango de churrasco á Joaquim Silva?
chefe dos chefes
e franga molhada?
chefe dos chefes
e franga molhada?
soraia chaves
e choco gregalhado de Setubal?
Chefe Mitchell
atão e se fosse polvo à moda de Matosinhos
soraia chaves
ja pra não falar do carapau do sado
Chefe Mitchell
melhor melhor e sardinhas do matosinhos
soraia chaves
pizza do é é muito bom
chefe goucha
e dps devia ser pizza do é
Chefe Mitchell
A próxima devia ser franguinho a contnente
juvenal
cara, e picãnha não?
juvenal
juvenal
minha auzira cozinha muito mélhó
juvenal
arroiz com féjão
juvenal
juvenal
e arroiz outrá vêiz
juvenal
e frango
juvenal
e massa
juvenal
pô..você so sabi fázê arroiz
Chefe Mitchell
umas receitas é que vinha mesmo a calhar
Alzira
pô pois você passa vida na associação de moradores nê? Aí mulher
sozinha pensa em pôr corno no marido. Se vira pô Chinfrudo é vida cara
juvenal
pô. chifrudo eu?
alzira
troco um juvenal por um marco paulo
marco Passat
cala o bico pexoal. rapá voce é burro? caixa é banco. o rui santos
na diz nada de jeito cará. tÊm de assinar a petiçao
dele - pela verdadi disportiva
alzira
vê la se queres q te ponha os cornos
Juvenal Antena
Na portelinha quem manada é o juvenal e a Alzira
rui santos
mas q merda de democracia é esta?
rui santos
AI AI AI AI AI AI
marco (Wolkswagen) PoLO
ti kireooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooa ammmmmmmmmmmmmmmoooooooooooorrrrrrrrrrrrrrriiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
marco (Wolkswagen) PoLO
nos teus seeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeccelularisssssssssssssssssssss
marco (Wolkswagen) PoLO
eu ti ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii................eu ti beijeiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii...............com a neve caindoooooooooooooooooooooooooooooo...............
Juvenal Antena
ôpa ôpa ôpa estão brincando na Portelinha aqui não diz besteira pô.
Aqui quem diz ôpa é à Alzira
Moretto
Po se vier ronaldinho jogo eu oh pô
Moreira
Se eu fosse treinador mantinha o quim acho que ainda não tenho
ritmo competitivo
Emanuel
e a minha musica já não passa há 2 dias na antena3
rui santos
pq ha caes q ladram e outros q lamdram
rui santos
q raio de democracia é esta?
rui santos
mas os caes lamdram e os meus caracois passam
marco (Wolkswagen) PoLO
Ohhhh ohhhh rui santos, eu tenho dois amores, que em nada são iguais...
So te digo uma coisa, citando uma canção dAMÁLIA :
"SÃO CARACÓIS, SÃO CARACOLITOS!!! " aiiii aiiia iaaiiii aiiia iaaiiii
rui santos
mas quando sou eu é um ai ai ai ai ai..q raio de democracia é esta
barreiros
e o ténis na antena2
Emanuel
A parti de segunda feira quero "o senhor guarda na antena 3"
moretto
pô...cara...também qerô jogá
julianne moore
cool
wesley sniper
calou o mixer scolari. o nosso zé mota é ki djivia treinar o timi português...
scolari
à meia dúzia é mais barato?
scolari
wesley sniper
oh cara... o mota e bom. chapéu? ele usa no treino. pa não apanhar
sol. no braziul não usamos chapéu...so camisinha.
paulo bento
é ele e a cara do pedro barbosa
paulo bento
o zé mota tb me mete nojo
jose mota
para tds aqeles q gozavam com os meus bonés..
jose mota
e dizer ao paulo bento que ele é o melhor treinador do mundo
jose mota
quero dizer ao Moutinho para levantar a cabeça
olheiro
a vocês*
olheiro
se eu fosse as vocês ia fazer um print screen do dístico de vencedor
do blogue do barbas e colocava-o aki!!! força aí
mourinho
o próximo tem de pagar a factura
arshavin
diria mais uma derrota que milhazes de anos não apagarão
olheiro
foi uma derrota com muita paixão

Consolos

  1. Se de alguma coisa vale de consolação a todos os benfiquistas , tal como eu ,que na mais estapafúrdia das hipóteses acreditavam que seria possível ganhar por 8 golos ficai a saber que mesmo assim não tínhamos passado à eliminatória seguinte pois o Olympiakos voltou a ganhar.
  2. O Dito cujo clube ganhou por 4-0. Eles afinal goleiam toda a gente.

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Portugal é muito popular em Guantánamo nesta altura

Portugal passou a ser um país muito popular entre os detidos de Guantánamo desde que o ministro dos Negócios Estrangeiros, Luís Amado, anunicou a disponibilidade de receber alguns.
Clive Smith, director da organização de defesa de direitos humanos Reprieve e advogado de 30 detidos disse que todos com quem falaram ficaram contentes com a ideia de se mudarem para Portugal.
Smith diz ter discutido a hipótese com todos os clientes e que estes "não querem outra coisa senão sair dali e ir para Portugal".
"Se Portugal ajudar nisto, iniciará uma relação muito positiva com a administração Obama, além de ser um óptimo exemplo para o mundo islâmico - e onde Portugal será muito mais popular também", concluiu.


E pensam que vêm para onde? Será que o Luís Amado lhes enviou os desdobráveis do Turismo de Portugal em vez dos de Custóias e Linhó?





P.S.: Já há online um jogo para mandar sapatadas ao Bush, é só mexer o braço do jornalista

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

O segundo

Se pelo título pensavam que ia escrever sobre o Sporting, estão muito enganados. Podem ir ler as crónicas do professor Marcelo ou do outro, pode ser que tenham mais sorte.
Hoje vou escrever sobre o tipo de engenheiro que quero ser.
À saída do DEC, eu, futuro engenheiro posso ser rotulado de quatro maneiras: o bom, o mau e o assim-assim (enganei-vos, eram só três).
Os bons são logo captados para as grandes entidades empregadoras do sector, assinando contratos milionários, mais ou menos ao nível do Mourinho. E eu vou ser um desses, um rockstar da engenharia.
Os assim-assim vão polvilhar todas as autarquias de lés a lés do país. Estou certo que hei-de encontrar muitos deles por aí recostados nas suas secretárias ocupando um tacho qualquer e a viver à custa dos impostos de todos nós.
E por fim os maus. Como diz a plebe, quem sabe faz, quem não sabe, ensina (e como diz o Octávio Machado, vocês sabem de quem é que eu estou a falar…). Excluo deste grupo aqueles que após anos de experiência de trabalho com os Zé Manéis da construção sabem que, na realidade, os coeficientes de segurança não passam de coeficientes de cagaço.

Imediatamente antes de se tornarem engenheiros, passam por uma fase de aprimoramento de conhecimentos, um verdadeiro “tratamento de choque” que é dado após a escolha do perfil. Eu vou ser bom em qualquer perfil que escolha, seja no das toupeiras, no dos turbulentos, no de contar carros, no de medir o diâmetro dos capacetes ou no de dimensionar parafusos.
O problema é o sectarismo entre eles. Ser de um perfil é como fazer parte de uma seita. Um gajo de determinado perfil só fala com os outros membros desse perfil, só almoça com os membros desse perfil, só se senta no bar com os membros desse perfil e só sai a noite com os membros desse mesmo perfil. Se houver gajas no perfil, ficam só para os gajos desse perfil.

Como devem ter percebido pelo lixo colado aos pilares do nosso departamento, houve eleições para alguma coisa. Certamente alguém falou com vocês para vos suplicar pelo vosso voto, tentando-vos comprar com flores ou com baralhos de cartas (acredito que o baralho de cartas seja muito mais útil). Felizmente, esses caciqueiros já voltaram a hibernar. Não se preocupem com o estado de saúde dos mesmos, eles voltarão a aparecer na primavera, com as andorinhas e as próximas eleições.
Com tristeza minha, entre tantos partidos políticos a apoiar as listas, não consegui encontrar a que fosse conotada com o partido Os Verdes.

Contava utilizar a palavra contubérnio neste texto mas não houve oportunidade. Talvez quando pertencer a um perfil.
Ao contrário dos meus colegas cronistas, eu não agradeço ao director Rodrigues, ele é que me agradece a mim.
É tudo, Bom Natal e não se engasguem com o bolo-rei.

Qualquer reclamação ou insulto que desejarem fazer, vão ao extremamente espectacular e melhor que os outros blogues todos (incluindo o do núcleo e o fórum civil) www.aquifalasedetudo.blogspot.com

Musica da Semana #20

Ashirvad Zaiantchic
Justice - D.A.N.C.E.

beirão
H2O - What Happened

markituz
Pearl Jam - Last Kiss

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Sugestão do Chef #01

A nova rubrica de culinária do aquifalasedetudo.
Serão aqui apresentadas receitas muito simples, fáceis de confeccionar e algo saborosas.
Se vocês são dos que preferem receitas com nomes muito elaborados e com uma apresentação à mesa fantástica podem deixar de ler no próximo ponto final. Era ali. Se continuaste a ler é porque não te importas minimamente com o nome do prato queres mas é comer.

FRANGO DE CERVEJA

1 Frango
1 Sopa de cebola
1 Cerveja

Parte-se o frango aos pedaços coloca-se num tacho. Põe-se a sopa de cebola e rega-se com a cerveja. Deixar cozinhar em lume brando.

Fácil? Pois é...

Sugestão:
Alourar o frango com um pouco de azeite antes de colocar a sopa de cebola e a cerveja.
Enquanto o frango coze bebe mais uma cerveja.
Acompanhar com massa ou arroz.



P.S.: Não hesitem em dar as vossas sugestões. O Chef agradece.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Tortura a sério


Andava eu a navegar pelo sapo em busca das notícias do dia, quando me deparo com as noticias sobre Guantánamo. Então não é que os terroristas são forçados a ouvir AC/DC?

Sim, AC/DC. E isto fazia parte lá das torturas dos americanos. São técnicas de interrogatório, dizem. Onde é que estão os direitos humanos? Já não há respeito por ninguém.

Mas depois leio outra notícia a dizer que Portugal está disponível para acolher prisioneiros de Guantánamo.

Óh senhores terroristas e afins, se pensavam que ouvir AC/DC era mau, esperem só até serem obrigados a ouvir a Ágata ou o Toy em altos berros.

Aí sim, a comunidade internacional vai ficar realmente chocada, escandalizada e horrorizada com a situação. Aí sim, a comunidade internacional vai-se solidarizar convosco.

Até lá, dêem-se por satisfeitos por não conseguirem sintonizar a rádio Tondela ou a São Miguel, em Cuba. Porque aí sim, eu tinha mesmo pena de vocês.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Musica da Semana #19

Ashirvad Zaiantchic
The Strokes - Last Nite

beirão
The Un-X-pected - Estrada

markituz
Thirteen Senses - Into the fire

Não marco penaltis. Prefiro ser o Katsouranis

"Não marco penaltis, não sei, não gosto e ás vezes é preciso chegar à área para haver penaltis porque estes são do lado de lá da barreira inimiga."

E é assim que eu me afirmo pelo trabalhadores porque ás vezes é preciso dar uma pela equipa. Nem sempre brilha, nem sempre marca mas o seu papel é fundamental.
O ex-torbinsky fez me reflectir durante cerca de 1 semana sobre o assunto e após uma elaborada reflexão cheguei á conclusão que não importa quem marca os golos mas sim o trabalho desenvolvido. Mas nem tanto ao mar nem tanto à terra. Como quase diz o meu caro confulcio prefiro ver a equipa jogando bom futebol e ganhando por poucos do que ver a equipa jogando porcamente e ganhando ás cabazadas porque nem sempre interessa o estímulo necessário para atingir o pico ganhador.
Ser o Katsouranis para mim é levar os cartões amarelos numa falta táctica para impedir o contra-ataque. É transmitir a ordem ao field de maneira a que a equipa reme sempre da mesma direcção ser polivalente e dar o coiro pela equipa mesmo que mal também é uma qualidade e sim talvez após rematar com a mesma eficácia do Binya lá consiga o golo ao 123º remate á baliza.
E assim concluo que existem vários papéis fulcrais na Equipa dos quais apenas realço 3 (curioso número) dos quais o de ser obviamente o Katsouranis, o de ser o Cardozão e finalmente o de ser o Luisão que cá de trás consegue com sua visão total do campo pressentir o erro e apontar as falhas de construção de jogo e fomentar a paz e amizade do seio do grupo.

É ou não é?

Já agora foram 6 jogámos bem mas ainda é muito cedo para lavar os cestos da vindima.

Cenas dos próximos capítulos brevemente

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Born to be politician #0

Então é assim depois de uma grande reflexão sobre a publicidade ou não da minha futura carreira política venho aqui informar de bom grado a criação de uma rubrica neste blogue que vai tratar da ascensão e queda do grande político que eu sou.

Assim a minha carreira política vai ser relatada com a maior brevidade possível contando todos os passos determinantes na minha caminhada triunfal.

O meu primeiro objectivo vai ser a junta de freguesia duma população do interior beirão. Por razões óbvias não vão saber qual o nome da junta.

Os adversários são o filho de um presidente de Junta que lidera os destinos da freguesia á cerca de 6 mandatos e julga que isto é o backyard do próprio. O outro é um distinto desconhecido para a maioria dos eleitores mas concorre com o apoio do PS que por si só lhe vale 200 votos. O candidato do PSD provêm de uma aristocracia de uma senhora Margaret Thatcher cá do sítio com um curso de professor mas apenas conhecido como filho da dita cuja. Nas últimas eleições concorreu ainda um vermelho pelas listas do CDS que vindo de Inglaterra encontrou nisto um belo de um passatempo.

Esta foi apenas uma primeira caracterização do espectro que me espera na corrida ás urnas. Lá mais prá frente conto vir contar uma análise mais profunda dos adversários.

A primeira conquista será fazer as pessoas assinar o prospecto de campanha preciso de apenas 70 assinaturas para me poder candidatar com o meu grupo de cidadãos eleitores.

Voltarei em breve com novidades

Novo FCP ?


- Facto: Platini, presidente da UEFA disse: “Não tem lógica o FC Porto estar qualificado para a Champions, eu luto contra a batota, contra a corrupção”

-Explicação do “Novo Benfiquista”: o Porto na Europa tem feito boa figura porque não é um clube regional nem corrupto.


- Facto: Eusébio, o Rei Eusébio: “não gosto nada do Sporting. Sou benfiquista.”

-Explicação do “Novo Benfiquista”: o presidente do Sporting senta-se ao lado de Pinto da Costa nos jogos entre as duas equipas, logo o Sporting é igual ao Porto, que não é um clube de corruptos e regional.

Ps1: Se por acaso, num cenário completamente irrealista e maquiavélico, houvesse um portista a passar-se por benfiquista, a escrever num blog com outros (esses sim) verdadeiros benfiquistas, com o objectivo de enganar e tapar os olhos aos benfiquistas, como seria?

Ps2: se alguém está sempre a criticar o clube A, admira os feitos do clube B, admira o presidente do clube B, escreve odes a esse presidente do clube B, minimiza todos os feitos do clube A e é conhecido pelos seus textos sempre a dizer mal do clube A, será que é possível a esse alguém ser verdadeiro adepto, simpatizante ou sócio do clube A?

domingo, 30 de novembro de 2008

Trabalhos de grupo


O futebol é um jogo de equipa. Onze tipos a tentar marcar golo numa baliza. E trabalham para isso. Têm todos o mesmo objectivo, mas cada um tem a sua função para o grupo o atingir.

Embora o futebol seja um jogo de equipa, há situações em que só um jogador pode fazer determinada função (como num trabalho qualquer, não podem estar 3 pessoas à frente do mesmo computador a escreverem ao mesmo tempo). Uma dessas funções é marcar o penalti. Daquelas onze pessoas, só um o pode fazer.

E é um penalti, qualquer um sabe marcar um penalti. Também é certo que qualquer um o pode falhar. Mas é um penalti. A probabilidade de marcar golo é muito grande. Raramente se falha (a não ser que se vista uma camisola às risquinhas verdes e brancas).

E por vezes o penalti é crucial. Pode dar vitórias. Embora qualquer um naquele grupo esteja qualificado para marcar o penalti, só um o pode fazer. E como em qualquer equipa, há-de haver alguém que pegue logo na bola. E os outros jogadores sabem disso.

Não interessa se esse jogador pegou logo na bola porque estava mais perto, ou por ser o feitio dele, ou para ajudar, ou por desconfiança em relação aos companheiros de equipa (é um penalti, ninguém se pode considerar melhor jogador que os outros por marcar um golo de penalti. Melhor era se marcasse um golo de chapéu, encostado à linha lateral sem que a intenção fosse fazer um cruzamento), ou por busca de protagonismo e aparecer nas capas dos jornais do dia seguinte. O que interessa é que só um pode marcar, e o gajo já tem a bola nas mãos.

E marcou golo. A equipa agradeceu ao marcador. E o grupo saiu daquele trabalho com o objectivo cumprido.

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Baile


Já a muito tempo que dedico algum espaço de interacção dos meus dois neurónios para reflectir sobre o caso da música ligeira portuguesa. Quem me conhece e não é fácil conhecer-me pois existem poucas pessoas chamadas Ashirvad (è este o meu novo nick) saberá certamente que eu sou um acérrimo defensor da música Pimba. Eu cá gosto deste tipo de música. É uma musica que em nada ofende e preza sobretudo pelo bom humor português. De Quim Barreiros a Ágata, de José Malhoa a Ruth Marlene ou Claudisabel são muitos os nomes que poderia citar. O mais incrível que se passa hoje em dia é o regozijo das pessoas para com o desgosto dessa mesma música. Sempre que se refere o pimba é conotado com uma significância negativa. A minha experiência enquanto beirão(árabe) permite -me dizer que a pessoas falam só da boca para fora tal com comprova a minha última semana de alcoolemia e boa vida senão vejamos. No domingo desloquei-me a um local de convívio onde a main athraction é propriamente o baile, mas essa infraestrutura que outrora era parte da nossa cultura agora alberga grupos que entre uma e outra música lá vão tocando músicas que me agradam (subtenda-se "musica de baile" á antiga). Hoje não se pode nem sequer aplicar a designação Grupo de Baile porque a música de baile representa 1/4 do repotório que estes apresentam. No entanto as pessoa assim que se apercebem da chegada de uma musica de um dos determinados artistas Pimbas desloca-se instantaneamente para o Dancefloor exibir os seus dotes de dançarino enquanto aproveita para se chegar ao elemento oposto. É uma espécie de galanteio ao sexo oposto, uma dança de corte que já deu lugar a muitos casamentos e filhos. Tenho a certeza que muitos dos que lêem este blogue foram feitos a ouvir qualquer dos artistas que propalam estas músicas ( não deve ter sido com Amália Rodrigues). O meu outro exemplo prático foi verificado na quarta feira, estava eu comendo castanhas(daquelas que são alimento). A música que tocava era daquela dos Pun Pun e fazia-se ouvir a altos berros. O ambiente esse era gélido mais ou menos parecido com aquele que se regista nos filmes do far west apenas faltando as bolas de palha percorrendo o chão. E de repente o idiota do Dj lá se recorre de alguns dos sucessos do artistas do ramo e pum fez-se o chocapic!! Lá veio a alegria e assim exponencialmente a animação da plateia. E é assim a música pode ser vazia de conteúdo pode ser o que quiser mas estará sempre no coração do pessoal PT. Portanto eu gostaria de ver as pessoas dizer que gostam de música pimba sem preconceito e que esta faz parte integrante da cultura portuguesa tal como a malandrice e desenrascanço.
Este é o portugal dos Quim's dos Tóni's das Claudia's dos Marco Paulo's e temos orgulho nisso.

Olympiakos? 5?

Na minha navegação pela internet a ver os blogs benfiquistas, deparei-me com uma situação estranha. Há por aí muito blogger que diz que não viu o jogo (só eu é que não tenho a sorte de perder os jogos em que o Benfica perde por muitos).
Agora imagino o que terão pensado os muitos que ontem, realmente não viram o jogo. E para isso, vou fingir, que também não vi, mas que só por curiosidade mórbida ou masoquismo, fui ver factos do jogo:
- O “guarda redes” Quim foi titular
- O primeiro golo dos gregos foi logo aos 40 segundos.
- O olympiacos fez 6 remates durante o jogo todo
- O jogo terminou com uma derrota humilhante por 5-1

Depois de ver isto, que dirá alguém que não tenha tido a oportunidade de ver o jogo?
E a resposta é muito simples. Claramente, aos 40 segundos, o Benfica já tinha gasto as 3 substituições, e concerteza o “guarda redes” Quim tinha saído lesionado. Não pode haver outra explicação.
Ou talvez possa. Mas implicava dizer que o “guarda redes” Quim, afinal esteve em campo o jogo todo, e que, em 6 remates, conseguiu defender uma bola.
Mas não…O “guarda redes” deve mesmo ter saído do jogo antes dos 40 segundos. Doutra forma não teria acontecido este desastre. O “guarda redes” Quim não deixava. Concerteza.

PS: a utilização das aspas no guarda redes é propositada. Assim realça a ironia. Guarda redes Quim?…enfim.


.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

A saúde da Sra. ministra


“No grupo de maior consumo, com um ovo por dia em média, o risco (de diabetes) aumenta em 58% para os homens e 77% para as mulheres.” in tvnet


“As pessoas tendem a subestimar o potencial bélico dos ovos.
Há ovos e ovos, uns maiores, outros mais pequenos, mas todos (para além de quando caírem no chão ficarem amarelos), quando utilizados como arma de arremesso (qual granada, qual quê), atirados com a determinação e o engenho de uns delinquentes, tendem a causar mossa. E a ministra sabia-o bem.”
in aquifalasedetudo.blogspot.com

E agora, o raio dos ovos também causam diabetes.

-Alunos arremessadores de comida das escolas deste país:
Vejam lá se para a próxima lhe começam a atirar alfaces…não magoa tanto e causa problemas de saúde menos graves.

Coitada da ministra, já não bastava passar a vida a tratar da saúde aos professores, ainda tem de se preocupar com a saúde dela por causa dos alunos.
.

sábado, 22 de novembro de 2008

Simulacro (o maior de sempre)


Este fim-de-semana fica marcado (para além de ser o fim-de-semana a seguir a derrota de Portugal por 6-2 e mais um fim-de-semana com o Leixões a liderar o campeonato) pelo simulacro de sismo na área de Lisboa. O maior simulacro de sempre.

Mas não há nada a temer. Ficamos a saber que se houver um sismo (daqueles a sério, que a terra treme e tudo) estamos safos. Pelo menos, até agora, ainda não morreu ninguém.

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

A nossa Selecção


Foste, e com muita pena minha, deixaste saudades (não a mim, aos outros, que eu nunca gostei nem de ti nem deste).

E agora que estás longe, só te posso dizer (ao melhor estilo da Ágata): podes ficar com o Chelsea, com o Paulo Ferreira, com o Bosingwa, com o Murtosa e podes levar também o Madail que não faz cá falta nenhuma, mas…por favor:

- Deixa-nos ficar ao menos com a Nossa Senhora do Caravaggio

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

19Novembro


Claro que é um dia especial. Para além de haver pessoas a festejar o seu aniversário neste dia, é também o dia a seguir ao 18Novembro e o precisamente anterior ao 20Novembro (o que demonstra logo a diferença para os outros dias).
Longe, numa terriola qualquer deste país, a alguns anos atrás estava alguém a nascer. E hoje, é suposto dar os parabéns a esse alguém. E dar os parabéns porquê? Por ter feito uma coisa que todos nós, de uma maneira ou de outra, com mais ou menos dificuldade, fomos capazes de fazer. Nascer.
Assim manda a tradição. Mas se dar os parabéns é uma coisa que se faz por reflexo condicionado, festejar o aniversário, só se faz por quem merece. E, incrivelmente, todas as pessoas que eu conheço que nasceram neste dia merecem que o seu aniversário seja festejado (devo desde já avisar que não dou prendas a ninguém).
Ultimamente organizou-se uma cabala para tirar o protagonismo aos aniversariantes de 19Novembro. Agora vai-se passar a festejar (ou não, dependendo dos resultados) a estreia de Maradona como seleccionador da Argentina.
Doravante, quando alguém a 18Novembro perguntar: alguém faz anos amanha? Haverá sempre alguém a dizer: Não, faz é hoje anos que o Maradona foi goleado pela Escócia num jogo particular (até espero que ele ganhe. Nem que seja para mostrar que a reabilitação de toxicodependentes não é um mito).
Isto agora de se lembrarem deste dia por causa de um (ex?) consumidor de estupefacientes é uma injustiça.
A todos aqueles que eu conheço que fazem anos neste dia (confesso, só conheço uma pessoa), os meus sinceros parabéns (vê lá se pagas uns copos) e que a gente possa festejar o seu aniversário pelo menos até o Maradona ganhar um Campeonato Europeu ao comando da selecção argentina.

PARABENS
.

terça-feira, 18 de novembro de 2008

A subir ou a descer?

Mais uma vez os elementos estiveram de volta. A contestação subiu ou desceu de tom?

Sinceramente não sei. Sei é de uma coisa existem elementos "inocentes" apanhados no friendly fire". Inocentes não será bem o termo porque tal como expliquei em Juventude Perdida eles com 16 já são reis do mundo com 14 já bebem e com 12 já sabem o que é sexo (saber diferente de fazer). Eles estão a ser manietados por trás dessa cortina negra que são as grades azuis de escola que proliferam. Esta é uma ideia que já me acompanhava há alguns dias e qual não é o meu espanto quando isso mesmo acontece á hora do meio dia um aluno em vez de reclamarem pela seu famigerado estatuto do aluno revelava que o seu verdadeiro motivo de protesto era mesmo a solidariedade com a categoria de professores seus colegas nesta luta de banditismo contra á ministra da educação Maria de Lurdes ConVides. As razões de outros dos entrevistados prendiam-se com aulas de substituição. "Não queremos, ora essa nós queremos é divertirmos". Ora vocês achais que um inergúmene destes se pode solidarizar com alguém? Eu não penso até que a única coisa que ele solidariza são as notas do final do período e por isso dois em um a favor dos professores contra a ministra. Ela não é flor que se cheire porque até se diminuírem a contestação ela recua, pouco mas recua mas não pode nunca dar a imagem de ceder sobre pressão mas desta lista alguém que aponte quem foi melhor para a educação nos últimos 15 anos:

Bem eu não achei nenhum portanto em que ficamos a subir ou a descer?
Por aqui também vai havendo quem tenha razões de queixa
Tenho dito

domingo, 16 de novembro de 2008

Levantar a cabeça

“Uma derrota afecta sempre um pouco o moral porque ninguém gosta de perder, mas há que levantar a cabeça. Moutinho depois da derrota com o leixões.

“Claro que ficamos tristes pelo afastamento da Taça, sobretudo pela forma como aconteceu. Mas há que levantar a cabeça e continuar a trabalhar, pensando já na partida com o Leixões.” Moutinho depois da eliminação da taça contra o fcporto.

“Vimos o resultado de ontem do FC porto, queríamos aproximarmo-nos, mas temos de levantar a cabeça, porque temos um jogo difícil para a semana com o Rio Ave." Moutinho depois do empata com o paços de ferreira.

Mas Moutinho não é o único, nem vem só desta época esta ideia dos jogadores sportinguistas levantarem a cabeça…Suponho até que combinaram no balneário o que dizer depois de não ganharem (o que acontece muitas vezes)

'No geral, fizemos um bom jogo, mas acabámos por ter alguma precipitação. Temos de dar os parabéns ao FCPorto e levantar a cabeça.' Liedson depois da derrota com o porto para o campeonato

“Há que levantar a cabeça e começar desde já a pensar no encontro de 4.ª feira, da Champions League, também ele muito importante para as nossas aspirações.” Hélder postiga depois da derrota com o Benfica.

“Queríamos uma vitória neste jogo e não aconteceu, mas agora é preciso levantar a cabeça. Temos um encontro difícil a meio da semana para a Liga dos Campeões, que queremos ganhar”, liedson depois da derrota com o Benfica.

“Infelizmente, eu também já falhei duas. Mas há que levantar a cabeça porque só falha quem marca”, Moutinho depois de na época passada não conseguir marcar penaltis.

Aqui deixo uma sugestão para andarem sempre de cabeça levantada, aproveitando a pasta viscosa que põem no cabelo antes de qualquer jogo.

sábado, 15 de novembro de 2008

O outro correspondente


Depois disto tudo dos superbock awards, uma pergunta pairava no meu pensamento:
-Onde é que ele estará?

Eu sou do tempo em que quando queríamos saber das notícias da Rússia, não íamos a nenhum blog. Ele aparecia, com o seu jeito próprio, aquele sotaque característico. O homem que quando a sua voz soava na TV, parecia que tinham dado a palavra a um trolha da construção civil. Aquele que falava do Kremlin como se o Kremlin fosse a legião vermelha no Dragon Ball. Aquele senhor simpático careca, magrinho de óculos que agarrava o microfone como se não houvesse amanha. Que nos informava como se tivesse a dizer um segredo qualquer que só ele poderia ter descoberto. O homem que desaparecia do ecrã orgulhoso, por ter contribuído para o nosso saber. O senhor que era uma espécie de agente infiltrado na praça vermelha. O homem que se despedia de nós como se aquela reportagem fosse a ultima que ele iria fazer.

Evgueni, onde quer que estejas, um abraço e um obrigado (pelo menos não tens nenhum blogue a concorrer com o aquifalasedetudo em concursos de marcas de cerveja em que se pode ganhar 500 euros)

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Reacção de Arshavin

Directamente da Rússia mais concretamente de São Petersburgo cabe-me tecer algumas considerações á recente eleição do Blogue Da Rússia.

  1. Em 1º lugar quem pensa que eu venho aqui dizer que eu que tenho bom perder engane-se. Qualquer pessoa que me conheça bem entre os quais incluo o meu amigo Danny saberá certamente que apesar de integrar com muito frequência projectos destinados ao total descalabro resta-me sempre uma pontinha de vontade de vencer neles, que faz naturalmente com que se direccione principalmente em alguma frustração em direcção ao júri destes concursos. Assim apesar de não repetir aqui teoria da conspiração que já se enumerou pelos meus colegas Markituz e Torbinsky, sublinho que reitero na sua totalidade com os argumentos que a sustêm adicionando até que nós não fomos levados ao colo por nenhuma juventude partidária nem sequer os temas que se passam no país que habito me suscitam o mínimo interesse. Mas talvez não fosse essa a "visão" Pública do júri.
  2. Mais digo que num Grupo á partida muito desfavorável aos nossos intentos dos mais de não sei quantos candidatos ao lugar de melhor cinco nós estivemos lá e a nossa prestação como equipa revelou-se como uma espiral crescente tanto em termos de originalidade e de intervenção política e reflectiva sobre temáticas nacionais. O Aqui Fala-se De Tudo como o próprio nome o indica pauta-se pela diversidade e de certeza que esse objectivo foi então cumprido. Tal facto é apoiado pela também espiral de visitas e page views ao blog tal como o tempo e profundidade da visita (obrigado google analytics).
  3. Resta-me também dar os cumprimentos aos amargurados e não ao vencedor porque esse certamente que lhos transmitirá o Público juri e os ilustres Dmitri Medvedev e Viktor Iuchenko. Portanto resta-me assim felicitar os seguintes blogues:
Assim concluo a minha dissertação e vou jogar na Playstation, que o cheque da Worten certamente deveria ter pago(ou não), mais o meu amigo Danny. Já agora caro camarada Milhazes se nos ofereceres uma Nintendo Wii a gente esquece este tipo de coisas e ainda vamos beber umas vodka's juntos.

Tenho dito

O Da Rússia?


Não sei se é um ditado, um provérbio, ou um aviso…mas diz-se por aí:
“Ao homem de bigode, ninguém o fode”
…e o sr. Milhazes até barba tem..

Quando decidimos concorrer ao cheque Worten, tínhamos dois objectivos: um objectivo, era ver se éramos mesmo piores do que os outros blogues. O outro objectivo, era mesmo o cheque Worten.

E na luta titânica com os blogues da nossa categoria (que não é sociedade… [pelo menos nessa categoria houve justiça]), conseguimos estar nos 5 melhores.

Mas algo não batia certo. Não conseguia imaginar o que pode levar um jornalista de carteira conhecido da nossa praça (ou da praça dos russos), vir competir para este concurso. Não me parece que um cheque Worten de 500 euros lhe fizesse falta. Então deve ser pelo prestígio que dá o concurso da Superbock a um jornalista (deve contar para o currículo ou assim…).
Mas pensando melhor…ele até podia perder. E é maior a vergonha de um jornalista famoso perder na categoria actualidade (actualizado deve ele andar…o homem é jornalista) do que o prestígio de ganhar isto. Mas ele ganhou(-nos).
Conclusão: o senhor é corajoso. Parabéns José Milhazes!!!!

Nota: nem por um segundo me passou pela cabeça que sendo ele jornalista e tendo um blogue convidado do jornal Público, participasse neste concurso a saber que ia ganhar só porque um membro do júri é também jornalista e, para além disso, jornalista do jornal Público. Qualquer um que pense isso só pode ter mau perder…(agora que penso nisso...se calhar...eu tenho mau perder...)

Resultados dos Super Blog Awards

E o vencedor da categoria Actualidade, Notícias e Media é DA RÚSSIA...

Infelizmente o Aqui Fala-se de Tudo não foi o escolhido.

Eu não queria chamar nomes ao júri mas digam-me vocês como é que é possível um blog que é convidado do jornal Público ter ganho isto quando há uma jornalista desse jornal no júri?
Um blog de notícias da Rússia...

Para que é que uma pessoa que está na Rússia quer 500€ na worten? Lá não há worten!!


A todos os outros vencedores os meus sinceros parabéns.




P.S.: a luta continua...

quarta-feira, 12 de novembro de 2008

Governo investe na Ota

O governo decidiu investir na Ota e neste momento as 550 casas já têm instalado um sistema de painéis fotovoltáicos para produção de energia eléctrica. A alegria dos residentes é enorme pois agora em vez de pagarem a factura mensal da electricidade conseguem ter um rendimento de cerca de 40€ por mês. No entanto, o investimento só terá rendimento daqui a 30 anos. Os subsídios governamentais só pagam 10% dos custos de instalação dos painéis.

Isto não teria piada se eu não dissesse que esta Ota não é aquela onde não dá para se construírem aeroportos mas sim uma cidade a 80 quilómetros de Tóquio e o governo que decidiu apoiar esta obra, claro está, foi o japonês.



P.S.: faltam 16h:42m para se ficar a saber os resultados dos super blog awards

Ovos, GNR e Reboleira


-Mais um agente da GNR tentou suicidar-se
“Um agente da GNR que realizava estágio no Posto Territorial da Mealhada tentou pôr termo à sua vida com a arma de serviço”. in sol

-Fome na Reboleira
“…Muitos jogadores mal têm dinheiro para comer, quanto mais para fazer uma alimentação condizente com a profissão de futebolista…” in ojogo

-Alunos obrigaram ministra a deixar Fafe
“…Com palavras de ordem e ovos, os protestantes nem deixaram a ministra pôr o pé fora do carro (…) Após este incidente chegaram ao local mais reforços da GNR que controlaram a situação. No entanto, há a registar a identificação de alguns alunos e a apreensão de algumas caixas de ovos…”
in jornal de notícias

As pessoas tendem a subestimar o potencial bélico dos ovos.
Há ovos e ovos, uns maiores, outros mais pequenos, mas todos (para além de quando caírem no chão ficarem amarelos), quando utilizados como arma de arremesso (qual granada, qual quê), atirados com a determinação e o engenho de uns delinquentes, tendem a causar mossa. E a ministra sabia-o bem. Vai daí, pôs-se a andar. E quem é que teve de lidar com a fúria dos manifestantes? A GNR.

E a GNR não está para brincadeiras. Há agentes a suicidarem-se por aí. E não vá a causa para os suicídios ser a monotonia da profissão, onde há arremesso de ovos, há um GNR perto de si. E pela gravidade da situação, (estava um membro do governo a ser vitima de tentativa de agressão) teve de se chamar reforços. E a GNR controlou logo a situação. A GNR não tolera este tipo de coisa (atentados à limpeza da roupa de um ministro, onde é que já se viu?). É pela lei e pela grei. Quando se tem de tomar medidas drásticas contra os infractores, eles não se fazem rogados. Para mostrar quem manda, e para que não haja ideias de repetição destas algazarras, houve a registar a identificação de alguns alunos (mandem já essa gente para Guantanamo) e (muito mais importante que isso), a apreensão de algumas caixas de ovos.

-A pergunta impõe-se: O que fazer aos ovos?

Eu não sei o que eles fazem nas apreensões de droga, mas neste caso, com o potencial intimidatório dos ovos (pelo menos a ministra teve de fugir), e com o uso indevido que dão à arma de serviço (disparam sobre eles próprios), podiam fazer uma substituição (à lá Jesualdo) e trocavam as pistolas pelos ovos. Pela segurança de todos.

Outra opção, e até porque estamos quase no Natal, ofereçam-se as caixas de ovos (com ovos) aos jogadores do Estrela da Amadora que bem devem precisar (mas vejam lá, não façam o mesmo com os quilos de drogas que apreendem).
.

terça-feira, 11 de novembro de 2008

São Martinho

Então mas hoje não era para estar um dia de sol radiante?

Acho que isto se deve à enorme crise económica que se vive no mundo. Até o Verão de S. Martinho tende a desaparecer... pelo menos em Coimbra.
Quando andava na escola primária a professora mandou-nos fazer uma composição (era assim que se chamavam os textos na escola primária) sobre o S. Martinho, isto na parte da manhã porque de tarde ia haver um magusto. A história resumida é qualquer coisa assim: Martinho era um bravo soldado romano que num dia de muito frio e chuva (mais ou menos como hoje) ao regressar a casa após uma duríssima batalha passou por um pobre, com roupas já velhas e rotas, que lhe pediu esmola. Infelizmente ele não tinha nada pra lhe dar e pega na sua espada e divide a sua capa em dois dando uma parte ao pobre para o agasalhar. Nesse momento as nuvens desapareceram e o sol brilhou lá no alto como se de Verão se tratasse. E segundo consta este Verão de S. Martinho devia haver todos os anos.

Será que está a fazer alguma greve?




P.S.: e segundo a sabedoria popular hoje vai-se à adega e prova-se o vinho

domingo, 9 de novembro de 2008

A magia da SkySports

Perguntam-se vocês porque Pelé, um jogador de 6 milhões, nunca joga não é?

Depois de noites sem dormir a pensar na resposta, hoje estamos em condições de informar todos aqueles que procuraram por ele (Jesualdo, não te massacres mais)


-Pois aqui está a resposta:



"cliquem na imagem se querem realmente ver alguma coisa"

Ainda foi dar uma mãozinha ao Inter de Mourinho...



.

Musica da semana #15

Arshavin
Andrea Corr & Bono - When The Stars Go Blue

torbinsky
Bad Religion - Epiphany

markituz
Drive ft Lucia Moniz - A Wish

Manifestação de Professores

Ontem como hoje nada muda, tudo cheira ao mesmo.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Manifestação dos professores

Mais uma vez, os professores vão fazer uma manifestação.

Como é óbvio, este método de avaliação dos professores é uma estupidez. E depois, as horas de trabalho na escola, só podem ser ideia de quem não tem noção do que os professores têm de fazer e fazem em casa.

O que está a faltar aos professores, é a ideia do que passam para as pessoas na rua. Para os desatentos, eles estão contra as horas de trabalho porque simplesmente não querem trabalhar. E estão contra serem avaliados, porque têm medo de chumbar.

Razões não lhes faltam para fazer manifestações. Mas esforcem-se para que as pessoas percebam o porquê da manifestação.

Não podem deixar passar a ideia de que os professores são um bando de preguiçosos, que quanto menos fazem menos querem fazer.

E já agora, não podem deixar que nos noticiários, a manifestação pareça um passeio, uma excursão até Lisboa, com o intuito de fazer piqueniques e cantar umas músicas no autocarro contra a ministra. Que foi o que aconteceu da ultima vez...
.
Como diz o outro: a luta continua.

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Curiosidade histórica


Andamos nós a estudar para vir a descobrir que tudo ou quase tudo já está decidido!!!!!

A bitola dos caminhos-de-ferro (distância entre os 2 trilhos) dos Estados Unidos é de 4 pés e 8,5 polegadas.
* Porque foi usado este número? Porque era esta a bitola dos caminhos-de-ferro ingleses e, como os caminhos-de-ferro americanos foram construídos pelos ingleses, esta foi a medida usada.
* Porque é que os ingleses usavam esta medida? Porque as empresas inglesas que construíam os vagões eram as mesmas que construíam as carroças antes dos caminhos-de-ferro e utilizaram as mesmas bitolas das carroças.
* Porque era usada a medida (4 pés e 8,5 polegadas) para as carroças? Porque a distância entre as rodas das carroças deveria caber nas estradas antigas da Europa que tinham esta medida.
* E por que tinham as estradas esta medida? Porque estas estradas foram abertas pelo antigo império romano aquando das suas conquistas, e estas medidas eram baseadas nos carros romanos puxados por 2 cavalos.
* E porque é que as medidas dos carros romanos foram definidas assim? Porque foram feitas para acomodar 2 traseiros de cavalo!

Finalmente...O vaivém espacial americano, o Space Shuttle, utiliza 2 tanques de combustível (SRB - Solid Rocket Booster) que são fabricados pela Thiokol no Utah. Os engenheiros que projectaram estes tanques queriam fazê-lo mais largos, porém tinham a limitação dos túneis ferroviários por onde eles seriam transportados, que tinham as suas medidas baseadas na bitola da linha, que estava limitada ao tamanho das carroças inglesas que tinham a largura das estradas europeias da época do império Romano, que tinham a largura do cu de 2 cavalos.

Conclusão: O exemplo mais avançado da engenharia mundial em design e tecnologia é baseado no tamanho do cu do cavalo romano!!!




P.S.: recebido por e-mail

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

A morte de um mito


O senhor que se segue já aí vem. Mas uma pergunta tem de ser feita.

Como será que Bush irá ser lembrado após 20, 30 anos?

Penso eu que ele será lembrado pelo presidente que levou os EUA para a guerra no Iraque. Simplesmente isso.
Mas vejamos o homem acabado de receber o país do democrata Bill Clinton tentou levar o país para a frente mas foi vigorosamente detido pelo 9/11. Nunca tinha acontecido talvez com excepção do atentado em Oklahoma. Bush viu-se virado para uma nação Land of the free que clamava por vingança a qualquer custo. E ele lá foi para o Afeganistão combater os talibans. A certa altura o homem apercebe-se que a mobilização já está feita e nada custará mais do que invadir o Iraque. Chama-se a isto aproveitar a boleia e fazer aquilo que com a ajuda da guerra tecnológica ainda não se tinha feito e mostrar ao old pap com quantos paus se faz uma canoa.

E agora perguntem-se fez o homem bem em invadir o Iraque?

Claro que sim se não o fizesse cada um de nós estaria todos os dias com o coração nas mãos. Mas foram lá e até levaram consigo o pressuposto errado mas o objectivo foi concluído.Prenderam o senhor das barbas e deixou de haver qualquer tipo a ameaçar o occidental way of life. Excepção feita ao engenheiro das areias. Mas esse é um capítulo que caberá combater ao próximo. Veremos se este é o presidente da MUDANÇA.

Tenho dito

And the looser (ou talvez nem tanto) is…

E quem havia de dizer, que, no fundo, McCain até deve ser boa pessoa? Depois daquele discurso de derrota (pena é que os discursos de derrota sejam feitos após a contagem de votos), o senador do Arizona deve ter ganho muito mais simpatias. E talvez se não tivesse sido tão julgado pelos erros de W. Bush, Obama poderia não estar hoje a festejar.
O homem não soube ganhar as eleições, mas na hora da derrota foi um senhor.
Espera-se que Barack seja tão bom a ganhar eleições como McCain foi bom a perde-las.
.

And the winner is.....

Bem, o velhinho bem que se esforçou mas não chegou.

terça-feira, 4 de novembro de 2008

Nada

Contava ao longo deste discurso fazer uma impressão geral sobre absolutamente coisa nenhuma. é neste ponto que me vejo e revejo prevendo o sucesso das letras em direcção ao malogrado objectivo. Nem sempre é fácil falar sobre nada. á vezes tenta-se encapotar uma mensagem sobre meio de um discurso insignificante e infrutífero em conteúdo. Pode-se pensar que estou nitidamente a falar sobre esta ou aquela pessoa mas refiro-me a uma pessoa em particular, um tipo. Tem entre 1 e 2 m tem uma cor de pele (não necessariamente preto porque até o branco é cor) e não sei o sexo. Basicamente refiro a indivíduos com habilidade de fazer conversas de elevador. Nem sempre é fácil fazer este tio de conversa. "Há tá frio hoje não tá?" dizem uns "Já veio a chuva?" dizem outros. Fala-se com toda a gente e com ninguém em particular e depois de se sair do dito cujo já se esqueceu precisamente porque este tipo de cheap-chat não satisfaz nenhuma parte do domínio cognitivo. Pronto tentando não escrever rigorosamente lá acabaei por escrever sobre algo. Talvez se tentasse recorrer a uma análise da prestação do Jesualdo Ferreira á frente dos bebés de azul tivesse tido sucesso. Isso ou a do Carlos Xistra em Guimarães. Bem não querendo escrever sobre mais nada encerro aqui a minha participação por hoje.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Idiots are taking over (?)


Os EUA vão a votos. Depois de terem escolhido W. Bush duas vezes seguidas (como é que é possível? E depois queixam-se que ninguém gosta deles…) a escolha desta vez é entre um tipo que tem cara de piloto de fórmula 1 (e que até ganhou…logo se verá se foi um bom agoiro), e um outro que parece que morreu já a algum tempo e ninguém lhe disse nada. Vamos ver se se inverte a tendência…

“There’s no point for democracy when ignorance is celebrated…”
.

Musica da semana #14

Arshavin
Daniela Mercury & Jauperi - Dia de Domingo

torbinsky
REM - At My Most Beautiful

markituz
Jason Mraz ft Colbie Caillat - Lucky

sábado, 1 de novembro de 2008

O Magalhães


Sócrates promove Magalhães na Cimeira Ibero-Americana” in publico

Podia parecer, aos mais incautos, tratar-se de uma acção de marketing do computador «Magalhães» dirigida ao segmento, mas trata-se da XVIII Cimeira Ibero-Americana de chefes de Estado e de Governo”in tvi

Desta vez, alguém tem de defender o nosso primeiro.
De repente, toda a gente se mostra escandalizada por haver uma promoção do computador Magalhães na cimeira ibero-americana.
Mas qual é o problema? O raio do computador não é feito em Portugal? Diz que o software é da Intel. E depois? Diz que já existe noutros sítios mas com outros nomes. E daí?

Também há cortiça noutros países, e tenho a certeza que se ele fosse promover a cortiça para a tal cimeira, toda a gente achava bem. Promoveu um produto, que aos olhos do mundo, é português.

Eu não sei quem inventou a roda, ou o telecomando, mas se o Sócrates fosse dizer para a cimeira ibero-americana que tinha sido um português, e os chefes de estado dos outros países acreditassem nisso, que mal vinha ao mundo?
Se os outros países comprarem o Magalhães ao invés do Anoa da indonésia, ou o Mobo Kids do Brasil ou o Mileap-X da Índia, que mal vem a Portugal? Nenhum. Eu não percebo grande coisa disto, mas se estamos em concorrência e nós conseguir-mos vender o nosso produto, isso não é bom para nós?

Venha de lá o petróleo do Chavez, do Moralez, e de quem mais quiser o Magalhães.
Portugal sempre foi um país de comerciantes. E o Sócrates (pelo menos nesse aspecto) não degenerou.

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

Juventude Perdida. Ou não?

Não percebo a rapaziada mais nova. Ele havia tempos em que se ouvia musica boa e em que os singles ficavam na rádio durante três meses mas hoje eles só querem ouvir Jonas Brothers, Schwayze e Jason M'raz. São ídolos dos mais novos. Não que eu seja velho muito pelo contrário mas algo se perdeu entre a minha geração e a de trás. Não é á toa que frequentemente me pergunto porque é que eles se interessam. No meu tempo nós ouvíamos música portuguesa de qualidade. E não era qualquer um que chegava ao topo das nossas preferências. Era preciso ser bom, mesmo bom(Xutos, Marcos Paulos e afins). Hoje não conseguem distinguir o certo do errado. Põem pregos na beiça porque é giro, porque as gajas gostam metem também um brinquinho inspirando-se no melhor do mundo. Devo lembrar que nesta altura o final purpose das pessoas que inventaram os brincos era distinguir em crianças os homens das mulheres. Mas não é só. Não sabem em quem votar nem quem são os seus eleitos mas consideram-se adultos ao ponto de experimentarem todo o tipo de alcool e merdas dinamitantes de neurónios. Quem nunca se cruzou com inúmeros pequenos na noite numa discoteca da esquina. Assim vai este país direito ao abismo. È grande o abismo lembro-me que o outro dia voltei á minha antiga escola e se as aulas acabassem no 1º período 75% dos alunos chumbavam. Velhos hábitos nova sina. Deixar tudo para última hora e depois deixar para a hora a seguir. Todas as nossas esperanças estão depositadas no bebé que carinhosamente o sr. chavez fez o favor mandar ao chão. O pequeno Magalhães vai certamente levar os jovens a interessarem mais pelos assuntos de gente grande. Ou não?

Tenho dito

quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Ser português

Tudo começou há muitos muitos anos, quando os dragões cuspiam fogo e lindas donzelas habitavam em castelos (hoje, dizem por aí, que os dragões jogam à bola, um facto ainda não confirmado pelo aquifalasedetudo). Nesse tempo um filho zangou-se com a mãe, parece que chegaram mesmo a andar à porrada, e conseguiu a independência de um condado declarando-o reino independente e uns anos mais tarde, em Zamora, é assinado um tratado que declara que PORTUGAL existe.
Uns séculos depois uns senhores puseram-se nuns barcos e foram por aí fora à descoberta de novas terras. E descobriram muitas terras novas, colonizaram algumas, a outras não sei bem o que lhe fizeram e descobriram caminhos marítimos para sítios importantes e fizeram muitas coisas giras com os barcos. Alguns chegaram mesmo a ficar por lá nesses sítios novos e construíram cidades e tudo.
Entretanto, e como isto aqui tava mau e não dava pra todos, o pessoal começou a ir pra França e pra Alemanha e para mais uns lugares conhecidos e outros mais desconhecidos e tal.
Ora isto tudo para dizer que hoje em dia há um português em cada país do mundo e se vocês saírem de casa com destino a algum lado além fronteiras não se admirem, quer estejam no centro de Kinshasa ou nos arredores de Bogotá, vai-vos aparecer um português à frente e vai convidar-vos para ir lá a casa provar o vinho (do garrafão que ele levou da última vez que veio cá à terra) e vai dizer-vos que "aqui é que se tá bem, aquilo lá em Portugal não é vida!!" (mesmo que onde ele esteja trabalhe 23 horas por dia) e vai contar-vos histórias de quando era novo e vai perguntar-vos de onde são e vão ver que afinal há um primo da mãe do padrinho do vosso pai que morava lá na mesma terrinha onde esse português cresceu e vão acabar por dizer "o mundo é pequeno..."

Pois eu digo-vos, o mundo não é pequeno, PORTUGAL é que é grande!





P.S.: ...e o benfica é maior

terça-feira, 28 de outubro de 2008

Não há crise II



Depois de ficarmos a saber que:
- o preço do arroz vai aumentar (pode ser que finalmente mudem os menus das cantinas universitárias)
- o pão, embora o preço da farinha diminua, também vai aumentar
- o preço do barril de petróleo está muito mais baixo, embora o preço da gasolina e gasóleo se mantenham altíssimos

Ficamos agora a saber também que Sócrates quer aumentar salário mínimo.

Como dizia aquele grande senhor, o outro José…

.

domingo, 26 de outubro de 2008

Musica da semana #13

Arshavin
Beck - Sexx Laws

torbinsky
The Vapors - Turning Japanese

markituz
Madcon - Beggin'

A magia d' abola


Curiosidade

Esta semana foi BRAGA quem mandou no reino do futebol ou estou enganado?

Eu voto....

Nada mais errado caro torbinsky.
É por a a casa estar arrumada que não estamos em recessão como a Espanha de meu amigo Zapatero (enhorabuena para ele que eu sei que vem aqui muitas vezes). Toda a Europa está em recessão e Portugal graças á arrumada casa vai sobrevivendo. Independentemente do dito qualquer rapaz com dois olhos abeira do nariz veria que a crise está aí mas irá ser ultrapassada com uma espécie de plano New Deal do não 2008. A quinta feira negra ainda aí mas desta vez esta crise não terá as dimensões de1929 e o país tem a obrigação como nação de esquerda que somos de estar na frente da ajuda ás famílias. Mas nem sempre é fácil. Como a estrutura de emprego é pouco qualificada para nos livrarmos de excesso de desemprego temos que obviamente de fomentar essa industria. Tudo isto seria mais fácil se a classe trabalhadora estivesse muito para além do que simples trabalhadores das obras. E é nisto que eu acredito que o renovado plano do New Deal vai resultar. Vejamos que não nos resta mais senão neste momento estaríamos de volta aos tempos medievais em que estaríamos a trocar maças por arroz e carne por leite mais ou menos como se passa na Islândia.

Outra face da mesma moeda é o facto de o maior partido da oposição ter um líder que está prá aí ao abandono dizendo e chamando tudo e todos sobre o orçamento dizendo que que está mal quando a sua proposta é o anti-Deal. A sua força da suas mensagem é tão forte quanto a da altura do Marques Mendes. Está lá mas não se vê. Por tudo isto e por pensar que é o único que talvez nos tire da crise eu voto Sócrates. Vamos lá classificar a nossa audiência. E vocês?

Site Meter Site Meter